Aleatoriedades da vida de casada

Certa vez eu e o Rafa estávamos limpando a casa e eu resolvi que ia limpar o lado de fora da porta da varanda. Peguei meu balde com água e produtos de limpeza, panos e luvas e foi toda feliz para a varanda. Fechei a porta e comecei a limpar, tranquila da vida. Terminei e fui voltar para dentro de casa, porque né, tinha o resto das coisas para fazer. O problema é que eu consegui me trancar do lado de fora. Eu fechei a porta e de alguma forma misteriosa o fechinho caiu e me trancou para fora. A minha sorte foi que o Rafa estava em casa, porque eu estaria perdida sem ele! Eu estava até sem celular rs

Sinta o pânico de ficar trancada pra fora rs

Sinta o pânico de ficar trancada pra fora rs

Outro dia eu cheguei em casa passando muito mal do estomago e aí o Rafa, desesperado comigo passando mal, resolveu fazer um chá pra mim. Muito fofo da parte dele, né? Pois bem, ele fez o chá e levou para eu tomar. Dei o primeiro gole e já comecei a rir, mesmo com dor, porque ele não colocou açúcar no chá. Ele colocou sal. SAL! Acho que na hora a dor até passou de tão engraçado que foi hahahahaha

tumblr_n57xvwEzXc1s82pilo1_500

Quando eu morava com os meus pais eu vivia quebrando e rasgando coisas de formas estranhas. Uma vez eu rasguei uma fronha ao meio quando fui estender ela e uma outra vez eu fiz um buraco na parede dando um peteleco com o nó do dedo. Pois bem, não satisfeita, aqui em casa em quebrei o cabo de dois rodos. Um eu pisei na beiradinha dele sem querer e eu não sei como, mas o cabo quebro quase no meio. Já o outro eu quebrei passando no chão mesmo, e olha que eu não estava fazendo força.

Essa é a minha cara quando eu quebro algo assim, do nada rs

Essa é a minha cara quando eu quebro algo assim, do nada rs

E as meias que somem? Sério, eu acredito no duende das meias agora. Já sumiu umas 5 e nem sinal delas pela casa. É sério! Na verdade, eu fico impressionada como as coisas somem aqui em casa. O apartamento nem é grande, não temos muitos armários e nem muitas coisas, mas ainda assim as coisas somem. E eu posso procurar que não acho. E posso parar de procurar que não aparece.

John Travolta me entende xD

John Travolta me entende xD

Post inspirado nas aleatoriedades da Thay XD Achei a ideia legal para falar de vários assuntos que não renderiam um post inteiro XD Vlw Thay! XD

12 Comentários

12 Comentários em "Aleatoriedades da vida de casada"

  1. Thay disse:

    HAHAHAHA, Cris, que delícia de post! Esse formatinho é legal pra quando a gente quer contar umas aleatoriedades e que não rendem necessariamente um mega post elaborado. E é tão leve, né, até diverte. E só fiquei aqui te imaginando trancada pra fora, na varanda! HAHAHA, só você mesmo pra fazer uma dessas. E essa do sal, HAHAHA, pobre Rafa! Tem que etiquetar os potes pra não ter erro. ;D

    • Cris disse:

      Pior que os potes são etiquetados Thay XD E tipo, o sal nem fica perto do açúcar, juro que não entendi como o Rafa conseguiu confundir as duas coisas hahahahaha
      Beijos! =**

  2. uahahahah
    Adorei o post!
    Foi muito gostoso de ler. Fiquei com dó da boa intenção do Rafa com o chá (mas confesso que isso me arrancou uma gargalhada gigantesca aqui!). Já fiquei trancada pra fora (minha vizinha me acolheu até chegarem com a chave). Entendo o seu drama! :P

    Beijos!

  3. Chell disse:

    Meias: se enroscam em outras roupas eu ficam no cesto com as sujas, mas eu sempre acho quando paro de procurar =D

  4. Camila Faria disse:

    Hahaha! Chorando de rir aqui Cris. Essa história da varanda ~ gente, imagina se você estivesse sozinha em casa, que pânico!!!

  5. Juliana disse:

    kkkkkkkkkkkkkk Cris, morri de rir com o post!! AMEEEEI! Hahaha Eu quebrava tudo na casa dos meus pais também, mas porque eu sou meio ignorante e sem paciência mesmo. Lá em casa como eu sei o valor das coisas $$ tenho mais cuidado. Isso é meio triste, né? Comecei a ter mais cuidado nas coisas lá da casa dos meus pais também depois que conheci o valor das coisas xD

    Os gifs ficaram ótimos!!!

    Beijos!

  6. Flá Costa* disse:

    Olha, se chá com açúcar já é complicado, fico imaginando com sal! hahahah E quanto às meias, eu também já me convenci da existência de duendes. As minhas somem e aparecem (raramente) com uma facilidade incrível. O que os duendes fazem com ela é que eu não faço ideia! hahaha

  7. Duds disse:

    HAHAHAHAHAHHA Acho que pior mesmo que o duende das meias, é que aqui em casa tem o duende dos elásticos de cabelo. Nunca vi a facilidade com que isso some ._.

  8. Amanda disse:

    LOL na parte do chá eu já estava pensando que teu marido fez chá de boldo, essa planta advinda dos recôncavos do inferno. Salzinho num chá potencialmente doce parece mais humano do que chá de boldo.